18/11/2021 às 15h32min - Atualizada em 18/11/2021 às 15h51min

Sobrado da Cidade é o novo ponto turístico e de gastronomia do corredor cultural do Centro do Rio

Carla Esteves traz novas experiências em sabores e histórias, memórias visuais e afetivas

SALA DA NOTÍCIA PAULA MARIA CORREA RAMAGEM SOARES

O restaurante Sobrado da Cidade, inaugurado em agosto pela empresária Carla Esteves Teixeira, em um casarão histórico de 3 andares, é o novo ponto turístico e de gastronomia do Corredor Cultural do Centro do Rio, pela arquitetura original do século XIX e pela gastronomia. A comida brasileira usa ingredientes conceituais que fazem parte da história do local. A arquitetura original e a decoração são um convite para fotos, eventos e uma selfie irresistível para quem passa na calçada. Além do cardápio especial, durante o almoço, o Menu Executivo oferece 2 opções de entradas, pratos principais e sobremesas, especialmente pensadas semanalmente pelo Sobrado.

Uma opção para quem vem de outras cidades e países, de conhecer um pouco sobre a história do Brasil e de seu povo, e de fazer muitas fotos em um espaço que deixa lembranças visuais e afetivas.

O Sobrado da Cidade tem 450 metros quadrados, em 3 andares, datados de 1865. O centro do restaurante tem um pé direito de 23 metros de altura - parede original feita com pedras e óleo de baleia - e o teto é em acrílico para permitir a entrada do sol. Os azulejos são de origem holandesa. O local sempre abrigou negócios, foi armazém ( açúcar, aguardente, café, banha, farinha e outros itens de um armazém), hotel, sediou uma companhia marítima, foi residência do Barão Peixoto Serra.

No térreo existem mesas e um bar para bebidas e drinks, além de um lounge do Café Três Corações, com cafés especiais para consumo e compra em grãos, onde se conhece a história do café numa linha do tempo na mesa desse espaço.

No mezanino fica a adega de vinhos e um espaço com bar utilizado apenas para eventos.
No segundo andar há o espaço Black Princess - a cerveja favorita de D. Pedro II. Como tudo dentro do Sobrado tem história, ela veio para agregar valor ao contexto. Nesse espaço existe uma jukebox que serve para música ambiente e também para alegrar as festas realizadas naquele espaço.
 
"Antes de tudo, queríamos saber as memórias do prédio e, no mesmo dia, ligamos para duas historiadoras e encomendamos uma pesquisa sobre o local. São muitas memórias e elas fazem parte da nossa cultura. Machado de Assis passava pela rua do Rosário. Carmen Miranda morou na região. Princesa Isabel decretou a lei Áurea no paço Imperial. Tem histórias por todos os lados. 

São 157 anos de memórias. Uma construção como a do Sobrado e de muitos outros prédios da região da praça XV são as raízes da nossa origem.  Precisamos dar valor ao que nos proporciona resgate cultural", conta Carla Esteves.

Instagram @sobradodacidade
Notícias Relacionadas »
© 2021 Sala da Notícia - Todos os direitos reservados.
contato@saladanoticia.com.br
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp