24/11/2021 às 16h39min - Atualizada em 24/11/2021 às 17h39min

Mais de 5 milhões de veículos usados são vendidos no Brasil em apenas seis meses

Mercado de veículos usados cresce em demanda, novos serviços e tecnologias

Autoconf – Sistema para Loja de Veículos.
SALA DA NOTÍCIA Nicole Thuler
Rodrigo Dal Bello, CEO do Autoconf, com nova tecnologia em gestão de lojas de veículos na palma da mão.

Inflação, constantes aumentos da gasolina e o sumiço de novos modelos de carros na praça, os quais têm até fila de espera, foram somente alguns dos fatores que contribuíram com o boom das negociações de veículos de segunda mão, com uma escalada de preços em alta que não se via desde os anos 1980, com o Plano Cruzado. Segundo a Federação Nacional das Associações dos Revendedores de Veículos Automotores (Fenauto), somente entre janeiro e junho de 2021, foram comercializados mais de 5,4 milhões de automóveis e comerciais leves usados no Brasil.

O mercado de veículos usados está tão em alta que, o mês de julho de 2021 foi o melhor, em termos de resultado nas transações desde desde o início da série histórica da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), em 2003. Como consequência, está surgindo uma avalanche de plataformas do segmento, com direito a estreia da Kavak com R$ 2,5Bi, a aquisição da Volanty pela Creditas, e o investimento de R$ 155 milhões na Instacarro.

Tendo que oferecer uma melhor experiência para os clientes, a verdade é que ser uma revendedora automotiva é um trabalho cada vez mais difícil: grandes volumes de informações, integração de setores, pré-venda, análise de cada veículo, anúncios em sites, controle financeiro, estoque, atendimento ao cliente e pós-venda são só algumas das muitas tarefas da área. E, óbvio: gerir tudo isso, com excelência e acompanhando um mercado que não para de crescer, exige um perfil bem dinâmico por parte dos administradores do negócio.

"Por isso, a tendência é que haja aumento de plataformas digitais para a comercialização desses veículos, as quais têm atraído investidores e colocado recursos para conquistar brasileiros interessados em vender ou comprar um usado ou seminovo", salienta Rodrigo Dal Bello, CEO do Autoconf.

A startup, que estreia no mercado, trabalha a gestão de venda de veículos voltada para lojas e revendedoras de veículos usados e funciona como uma espécie de “e-commerce para carros”, cujo foco é atender o anseio do lojista e do cliente final, com direito à prevenção contra fraudes e golpes e a possibilidade de pagamento do bem pela internet. 

 

“Antes do Autoconf nascer, nós também atuávamos como revendedores e nossa maior dor era vender com segurança, sem que o processo fosse desgastante para nós ou para o cliente. Como a venda de veículos é algo bem burocrático, buscamos desenvolver uma ferramenta que acompanhasse toda a negociação durante a compra – e no decorrer da venda –, já que os detalhes são muitos. Com o Autoconf, o lojista passa a não correr mais nenhum tipo de risco, como imprecisão na avaliação de um carro, dificuldade na preparação e demora na venda do veículo por não estar anunciado”, explica Bello.

O Autoconf é o único software brasileiro capaz de gerenciar 360º uma loja de veículos e alavancar as vendas, fugindo totalmente do habitual que se preocupa apenas em anunciar o veículo. Saiba mais: Autoconf – Sistema para Loja de Veículos.


Notícias Relacionadas »
© 2021 Sala da Notícia - Todos os direitos reservados.
contato@saladanoticia.com.br
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp