08/04/2021 às 10h02min - Atualizada em 09/04/2021 às 00h00min

Mais da metade das mulheres relata impacto negativo nos cuidados com a saúde por conta da pandemia

Pesquisa da marca com mil pessoas evidencia os efeitos da pandemia nas rotinas de prevenção à saúde

SALA DA NOTÍCIA Glaucia Galmacci

A Ticket, marca de benefícios de refeição e alimentação da Edenred, realizou um levantamento com mais de mil usuários sobre os seus cuidados e preocupações com a saúde. A pesquisa, que leva em consideração os efeitos da covid-19 na vida dos brasileiros, revela que a pandemia, iniciada em março de 2020, trouxe repercussões mais significativas à rotina de prevenção das mulheres: 51% delas relataram uma percepção de impacto negativo da pandemia em relação à rotina de cuidados de saúde. Essa sensação esteve menos presente entre os homens: 42% perceberam alguma mudança nesse sentido. Além disso, 77% das mulheres se dizem mais preocupadas com relação à própria saúde e a de familiares. Entre os homens, o índice dos que relatam uma sensação de aumento com a preocupação é 9 pontos percentuais menor.

"Os dados mostram que, infelizmente, o aumento da preocupação com a saúde por conta da pandemia de covid-19 veio acompanhado por impactos negativos na rotina de exames médicos e consultas. Isso porque muitas pessoas deixaram de buscar atendimento especializado com medo de pegar a doença nos postos de atendimento. Neste cenário, o acesso à telemedicina ganha importância, bem como campanhas de conscientização sobre outras enfermidades, que continuam a existir", ressalta Felipe Gomes, diretor-geral da Ticket, empresa que relançou no final de 2020 o primeiro benefício-saúde do mercado: o Ticket Saúde. 

A marca também apurou que 40% das mulheres vão ao médico de duas a cinco vezes ao ano, e 23% pelo menos uma vez por ano. Entre o público masculino, 33% visita o consultório desse profissional da saúde de duas a cinco vezes ao ano e 28% diz fazê-lo ao menos uma vez por ano. Os resultados do levantamento também reforçam o senso comum de que as mulheres se preocupam mais com os cuidados com a saúde no dia a dia, aderindo mais aos exames de rotina: 68% das entrevistadas afirmou que costuma manter seu check-up em dia, um índice 13 pontos percentuais superior ao observado entre os homens.

De acordo com o estudo, elas também são mais críticas com relação ao auto-cuidado: 62% das mulheres responderam que têm hábitos de vida saudáveis, mas que poderiam adotar medidas de melhoria, especialmente relacionados à alimentação ou à prática de atividades físicas e, no caso dos homens, o índice cai para 53%. Nos dois casos, a maioria dos entrevistados têm entre 25 e 45 anos.

Em contrapartida, apenas 16% das mulheres avaliam que têm hábitos completamente adequados à preservação da saúde, a maioria delas tem entre 18 e 54 anos. Entre os homens, o índice dos que acreditam ter hábitos completamente adequados à preservação da saúde é de 26%, a maioria deles com idade entre 25 e 54 anos.

Por serem mais críticas e cuidadosas com relação aos aspectos que promovem e ajudam na manutenção da saúde, elas valorizam mais o auxílio-saúde: 68% delas entendem que contar com um auxílio ou benefício voltado à saúde se tornou mais importante desde o início da pandemia. Entre os homens, o índice é 6 pontos percentuais menor

 

Benefício-Saúde

Em outubro de 2020, a marca anunciou o relançamento do Ticket Saúde, benefício em uma versão mais completa, no formato de uma plataforma digital, facilitando o acesso dos trabalhadores à saúde - a preços competitivos até 80% mais baratos se comparados à rede particular. São mais de 13 mil postos de atendimento e 35 especialidades médicas disponibilizados em todo o território brasileiro, incluindo hospitais de alta qualidade, telemedicina, atendimento emergencial, atendimento odontológico, mais de 3,7 mil pacotes cirúrgicos e realização de exames de alta complexidade. Dentro do conceito de multiplicar benefícios da Ticket, a solução é extensiva a três dependentes, sem custo adicional, e proporciona descontos a partir de 20% para a compra de medicamentos nas farmácias credenciadas ou em delivery na farmácia online, além de permitir o acesso a um clube de benefícios exclusivo e não ter reajustes anuais para as empresas. 


Notícias Relacionadas »
© 2021 Sala da Notícia - Todos os direitos reservados.
contato@saladanoticia.com.br
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp