30/06/2022 às 09h32min - Atualizada em 30/06/2022 às 19h33min

Empresas de SC passam a contar com nova facilidade para emissão de NFC-e

O vhsys é um dos primeiros softwares de gestão nacional a oferecer essa funcionalidade

https://vhsys.com.br/
SALA DA NOTÍCIA Marcella Pedroso
Divulgação
Depois de muita espera, a Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica (NFC-e) finalmente está liberada em Santa Catarina. Trazendo mais agilidade e praticidade para emissão de documento fiscal, a NFC-e facilita a vida de muitos lojistas e comerciantes ao permitir que a nota fiscal seja emitida pela internet. Com a novidade, muitas empresas estão buscando regularizar e adotar o documento.
 
Para facilitar principalmente a vida dos empreendedores e contadores, a vhsys é uma das primeiras grandes empresas de software de gestão a oferecer a funcionalidade de emissão da NFC-e para negócios e comércios de Santa Catarina no seu sistema, além de trazer a agilidade no processo de emissão e simplificar o conjunto das obrigações fiscais e tributárias das empresas.

“Esse momento era muito esperado principalmente por parte dos contadores e empreendedores, e a vhsys chega para oferecer uma plataforma que atende todas as obrigatoriedades que vão desde a realização da gestão da empresa, como também a emissão da NFC-e em Santa Catarina. Com a emissão da Nota Fiscal do Consumidor pelo sistema, os empreendedores conseguem minimizar qualquer tipo de erro, pois será gerada de forma automatizada com as informações necessárias do cliente e do produto comprado”, explica Maurício Lang, Gerente de Desenvolvimento da vhsys. 

Segundo a SEFAZ (Secretaria da Fazenda), a NFC-e é um documento de existência apenas digital, emitido e armazenado eletronicamente e deve documentar toda e qualquer operação comercial de venda presencial ou online ao consumidor final, tanto para a pessoa física ou jurídica. Para a Secretaria de Estado da Fazenda (SEF), a mudança foi adotada para melhorar a segurança, transparência e sustentabilidade na emissão de notas, reduzir custos com equipamentos e manutenção e diminuir a burocracia necessária na utilização da Escrituração Contábil Fiscal (ECF).

“Não são todas as empresas que já podem emitir a NFC-e, o SEFAZ atualiza frequentemente essas autorizações, porém aos poucos temos visto que as empresas que atuam em Santa Catarina estão optando e se adequando a essa nova regra. Os empreendedores precisam ficar atentos às novas normas e consequentemente entender se a empresa que eles atuam precisam ou não entrar na nova emissão”, complementa Lang.

Para Lang, a emissão da NFC-e é a melhor saída, já que o empreendedor não tem a preocupação de depender de um equipamento para que o processo ocorra, ou seja antigamente, todos os dados das transações ficavam armazenados na memória fiscal, até que fossem encaminhados para o contador de forma manual. Com a facilidade da nova emissão, o mesmo processo pode levar minutos, por ser realizado de forma automatizada por meio de um ambiente online.

Atualmente, a vhsys conta com 4,6% da sua base de clientes composta por estabelecimentos da região. O objetivo é triplicar o número de clientes ativos em Santa Catarina até o final do ano, por meio da nova funcionalidade e também parcerias com contadores. Recentemente, a vhsys fechou parceria com a Questor, empresa catarinense que atua há mais de 35 anos no mercado de gestão contábil, na qual foi desenvolvida uma API que permite a integração entre o sistema de gestão empresarial vhsys e o software contábil da Questor. Dessa forma, é possível o compartilhamento de forma automática de dados e informações contábeis, entre os sistemas, referente aos lançamentos de contas a pagar e a receber, como também o envio dos documentos fiscais e contábeis do empreendedor ao escritório.

 
Notícias Relacionadas »
© 2022 Sala da Notícia - Todos os direitos reservados.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp