30/05/2023 às 10h23min - Atualizada em 30/05/2023 às 18h03min

Comerciantes de BH estão otimistas com as vendas para o Dia dos Namorados

Lojistas vão investir na divulgação dos produtos pelas redes sociais para atrair os clientes

https://www.cdlbh.com.br/imprensa/comerciantes-de-bh-estao-otimistas-com-as-vendas-para-o-dia-dos-namorados/
SALA DA NOTÍCIA Assessoria de Imprensa
Divulgação
 

Os comerciantes varejistas da capital mineira esperam vendas positivas no Dia dos Namorados. De acordo com pesquisa realizada pela Câmara de Dirigentes Lojistas de Belo Horizonte (CDL/BH) com 305 comerciantes da cidade entre os dias 28 de abril e 16 de maio, 60,3% acreditam que a movimentação deste ano será melhor que em 2022. Já 21% acham que será igual e 18,7% pensam que será pior. 

“Esse otimismo é muito positivo. É um claro sinal de que os lojistas vão investir em oferecer novidades e atrativos para o consumidor. Os empresários estão retomando a confiança na economia”, analisa o presidente da CDL/BH, Marcelo de Souza e Silva. 

Para atenderem à demanda da data, 45,6% disseram que, em comparação ao mesmo período do ano passado, irão aumentar o estoque. 39% afirmam que vão manter o mesmo nível e 15,4% devem diminuir. A data deve injetar R$ 2,15 bilhões na economia da capital mineira.

Produtos com maior saída

Na perspectiva dos comerciantes entrevistados, 37% deles acreditam que as roupas devem liderar as vendas. Em seguida aparecem calçados (19%), flores (8,9%), bolsas e mochilas (8,5%). Acessórios, chocolates e artigos de decoração estão empatados com 8,2%. Produtos personalizados (7,9%), joias ou bijuterias (5,6%) e produtos de beleza (5,2%) completam a lista. 

A expectativa dos lojistas é que os consumidores invistam, em média, R$ 181,66 por presente, sendo que 79,7% esperam que cada pessoa compre apenas um item. O tíquete médio deste ano deverá ser 0,9% maior que o de 2022, que foi de R$ 180. 

Os três itens que deverão ser mais vendidos registraram aumento no tíquete médio em comparação ao último ano. São eles:

  • Roupas: R$ 221,62 (aumento de 50,8%)
  • Calçados: R$ 228,47 (aumento de 51,3%)
  • Flores: R$ 102,58 (aumento de 2,6%)

Ao serem questionados sobre a expectativa de gastos dos casais para a data, 49,2% dos lojistas acreditam que será igual a 2022; 29,5% acham que será igual e 21,3% consideram que deverá ser menor. 

Formas de pagamento

Os lojistas acreditam que o pagamento parcelado no cartão de crédito será a escolha da maioria (48,5%), com uma média de quatro parcelas. À vista no cartão de crédito deve ser a segunda opção (35,4%) seguida por PIX (11,1%) e cartão de débito (3,9%). 

Redes sociais para atrair consumidores

Segundo a pesquisa da CDL/BH, 82,3% dos comerciantes vão utilizar o Instagram para potencializar as vendas do Dia dos Namorados. Já 72,8% irão apostar no WhatsApp e Facebook (16,7%), Tik Tok (1%) e tráfego pago (0,3%). As demais estratégias adotadas serão decoração da vitrine (31,1%), site da empresa (29,2%), boca a boca (13,1%), carro de som (1%). 

Os lojistas também citaram outras estratégias para atrair os clientes: divulgação dos produtos (80,3%), flexibilidade ou facilidade de pagamento (40%), variedade de produtos (38,7%) e atendimento qualificado (16,4%). 


 
Notícias Relacionadas »
© 2024 Sala da Notícia - Todos os direitos reservados.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp