01/06/2023 às 14h44min - Atualizada em 01/06/2023 às 17h54min

Leega detalha possibilidades de carreira para profissionais de TI na área de dados e destaca habilidades desejadas pelo mercado

Eduardo Silva, sócio responsável pelo Leega Academy, programa de ensino e capacitação modularizado e customizável em TI desenvolvido pela empresa, dá dicas para profissionais que querem iniciar suas trajetórias ou ascender na carreira

https://leega.com.br/
SALA DA NOTÍCIA Caio Matta - DRONE Comunicação
Eduardo Silva, sócio responsável pelo Leega Academy – Foto: Julio Vilela
A área de dados é uma das mais promissoras para profissionais de tecnologia da informação há alguns anos, com diversas possibilidades de carreira e grande potencial de crescimento. Para auxiliar quem planeja iniciar uma trajetória no setor ou ascender e se estabilizar de vez na profissão, Eduardo Silva, sócio responsável pelo programa de ensino e capacitação em Analytics e Ciência de Dados, Leega Academy, da Leega, detalha possíveis caminhos corporativos, destaca as habilidades mais desejadas pelo mercado e dá dicas que podem ser grandes diferenciais para uma carreira de sucesso.

Em linhas gerais, o profissional de dados é o responsável por coletar, processar, analisar e interpretar dados para fornecer insights valiosos às diversas áreas de uma empresa. Tais compreensões podem ajudar os executivos dessas companhias a tomarem melhores decisões estratégicas, a desenvolverem produtos mais eficientes e entenderem melhor seus clientes. Entretanto, dentro desse cenário, existem diferentes papéis, tarefas e especializações que dependem de especialistas distintos, como analista de dados, cientista de dados e engenheiro de dados.

O analista de dados é o responsável por coletar e analisar dados, criando relatórios e dashboards para fornecer informações às equipes de negócios. Já o cientista de dados está mais envolvido na análise dos dados e na criação de modelos de machine learning para prever possíveis resultados futuros ou identificar padrões. Por fim, o engenheiro de dados é a pessoa responsável por gerenciar a infraestrutura de dados, como bancos de dados, pipelines de dados e arquitetura cloud.

Para se tornar um profissional de dados, Eduardo Silva destaca que é necessário ter habilidades técnicas em programação, matemática (principalmente estatística e probabilidade), conhecimentos e/ ou domínio de negócios, além de conhecimento em linguagens como Python, SQL (Structured Query Language) e ferramentas de visualização de dados, como Tableau e PowerBI. Em relação às soft skills, é fundamental apresentar pensamento crítico e mentalidade analítica, trabalhar bem em equipe e ter boa capacidade de comunicação, já que será necessário passar os insights e análises a profissionais de outras áreas.

Para quem vai iniciar esse percurso profissional do zero, existem muitas oportunidades para mergulhar de cabeça no tema e imergir na área de dados. “O Leega Academy, por exemplo, é um programa de ensino e capacitação em Analytics e Ciência de Dados da Leega, uma empresa brasileira de consultoria e outsourcing com mais de 20 anos de experiência e especialista em soluções de Data Analytics e Cloud. Ele tem por objetivo abastecer o mercado de TI com mão-de-obra qualificada em vários níveis e preparar profissionais do setor tanto para iniciarem suas trajetórias profissionais quanto para assumirem novas responsabilidades em suas carreiras”, explica Eduardo. “Com um formato modularizado e customizável, de acordo com as necessidades de cada profissional, o Leega Academy oferece treinamento na área de dados e ajuda a desenvolver habilidades técnicas e soft skills intrínsecas da profissão”.

A demanda por profissionais de dados, que já é alta atualmente, deve continuar crescendo nos próximos anos, visto que empresas de todos os setores estão procurando maneiras de coletar e analisar dados para melhorar seus negócios, seu relacionamento com os clientes e se manterem competitivas. Segundo pesquisa da Associação Brasileira de Empresas de Tecnologia da Informação (Brasscom), até 2025, serão necessários 797 mil novos profissionais de tecnologia. A oferta atual 53 mil pessoas formadas por ano na área, não atende à média estimada de 159 mil talentos necessários anualmente.

E, com o aumento do uso de inteligência artificial, o conhecimento de analytics e ciência de dados são fundamentais para o sucesso de iniciativas que envolvem esta tecnologia, pois ajudam a coletar, preparar e analisar dados, selecionar algoritmos adequados, treinar modelos, monitorar desempenho e aprimorar continuamente os modelos desenvolvidos. Sendo assim, há muitas oportunidades para esses profissionais em empresas de tecnologia, saúde, finanças, varejo, entre outras.

Dentro da carreira de dados, há também muitas áreas de especialização, incluindo análise de dados em marketing, inteligência artificial, dados financeiros e muito mais. “É importante explorar minimamente cada uma dessas áreas para encontrar a especialização que melhor se adequa aos interesses e habilidades do profissional”, diz Eduardo.

Para suprir essas necessidades, o Leega Academy oferece treinamento com foco em situações reais de mercado, bem como um ambiente de aprendizado que permite aos alunos trabalharem em projetos supervisionados para serem implementados em empresas parceiras da Leega. “Isso ajuda a preparar os participantes do programa para as demandas do mercado de trabalho e os desafios que enfrentarão em suas carreiras”, conta Eduardo. "A educação é a chave para o sucesso na área de dados. Por isso, é fundamental que esses profissionais busquem ambientes de aprendizado práticos e com orientações personalizadas, que os ajudarão a desenvolver habilidades essenciais para se tornarem profissionais de dados altamente qualificados e bem-sucedidos".

Outra iniciativa que pode fazer grande diferença em uma carreira nessa área é buscar em programas como o Leega Academy mentores que oferecerão suporte e orientação para encontrar as melhores áreas de especialização, oportunidades e networking. Além disso, a participação em projetos com empresas reais contribui para a formação de um portifólio mais robusto, auxiliando os alunos no início de sua jornada profissional.

“Em resumo, a área de dados oferece uma ampla variedade de carreiras e oportunidades para aqueles que estão dispostos a investir em sua formação e capacitação, e a se desenvolver profissionalmente. Com a demanda por profissionais de dados crescendo a cada dia, podemos dizer que vivemos um ótimo momento para começar a explorar essa área emocionante e desafiadora”, finaliza o sócio da Leega Consultoria.
Para mais informações sobre a Leega, visite o site oficial.
 
Notícias Relacionadas »
© 2024 Sala da Notícia - Todos os direitos reservados.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp