01/09/2021 às 18h30min - Atualizada em 02/09/2021 às 16h03min

Conheça 4 tendências do setor moveleiro para 2021

Romanzza Curitiba lista tendências para o setor

www.renovamedia.com.br
SALA DA NOTÍCIA Jana Fogaça
Com a pandemia e o isolamento social, as pessoas começaram a passar mais tempo em casa, o que levou ao aumento no número de reformas e o desejo de deixar o lar mais prático e confortável. Quem sente isso é o setor moveleiro, que já teve um crescimento em 2020, e com expectativa de alta de 20% em 2021, segundo previsão da IEMI, consultoria que realiza pesquisa para indústrias e entidades.

De acordo com a agência FIEP, os fatores que devem movimentar o setor moveleiro em 2021 são: novos hábitos de compra da geração nascida entre 1980 e 2000, o desenvolvimento acelerado de novas tecnologias, a chegada da indústria 4.0 e o avanço do mercado chinês.

A Eucatex, que realiza pesquisas desde 2017, com objetivo de mapear o mercado, identificou que houve um aumento na venda de imóveis novos, o que impacta positivamente nos segmentos de materiais de construções, móveis e eletrodomésticos.  “Conforto, design e estilo estão entre as principais razões para a compra de móveis novos, destacando a diversificação de modelos e estilos”, explica Andréa Krause, coordenadora da pesquisa.

Com base na pesquisa, a Romanzza Curitiba listou tendências do setor para 2021. Confira:
 
  1. Transformar a ida do consumidor à loja em experiência
A pesquisa da Eucatex revelou que 50,3% das pessoas que compraram móveis em 2020 foram pessoalmente conhecer o produto. Isso demonstra a importância de levar o cliente até a loja e transformar a visita dele em uma experiência. É necessário mostrar como o móvel vai resolver a necessidade do consumidor de uma forma criativa. “Por isso, aqui na Romanzza, estamos preparados para que o consumidor se sinta em casa, e para isso, realizamos visitas agendadas”, explica Fernando Matoso, responsável pela Romanzza Curitiba.
 
  1. O atendimento faz toda a diferença
Para 50,2% das pessoas, um suporte atencioso na hora da compra faz diferença na tomada de decisão. Isso reflete a necessidade de investir no treinamento da equipe de showroom e dar todo o suporte necessário na hora que o consumidor busca uma solução moveleira.
 
  1. A loja física ainda é importante para a maioria dos consumidores
De acordo com a pesquisa da Eucatex, 58% dos consumidores fazem compras de móveis somente em lojas físicas. Isso mostra a importância de ter ambientes físicos adequados, com mostra de mobiliário aplicado, exemplos de acabamentos e texturas, além de salas confortáveis para receber os clientes. A Romanzza Curitiba conta com um ambiente moderno e os principais lançamentos e novidades da marca.
 
  1. As redes sociais influenciam no poder de compras
Para uma geração cada vez mais conectada, é essencial ter canais nas principais redes sociais - em especial no Instagram - atualizados e com atendimento direto ao público. As publicações devem fornecer informações sobre o produto e a linguagem deve ser clara e acessível.

Sobre a Romanzza Curitiba

Com mais de 30 anos de fundação, a Romanzza tem sede em Flores da Cunha-RS, e fabrica móveis planejados e estofados. Como garantia de excelência, a empresa assumiu no cartório o compromisso de deixar o cliente totalmente satisfeito com seus produtos. Em Curitiba, a Romanzza acaba de anunciar uma nova gestão, sob o comando de Fernando Matoso. A proposta é oferecer um modelo especial de atendimento para os especificadores, e auxiliar no melhor produto para cada projeto.

 
 

Notícias Relacionadas »
© 2021 Sala da Notícia - Todos os direitos reservados.
contato@saladanoticia.com.br
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp