11/06/2024 às 11h22min - Atualizada em 11/06/2024 às 17h54min

ISA CTEEP amplia capacidade de três linhas de transmissão na região de Dracena (SP) com uso de tecnologia que aumenta a flexibilidade da rede elétrica

Companhia executou obra de reforço que permitiu aumentar a geração e o escoamento de energias renováveis

RAFAELLA IAZZETTA NOCKER
Divulgação

São Paulo, 6 de junho de 2024 – A ISA CTEEP, líder no setor de transmissão de energia do País, executou uma obra de reforço para ampliar em cerca de 150% a capacidade de três linhas de transmissão de 138 kV (Kilovolts), localizadas em Dracena, Flórida Paulista e Rio Vermelho (SP). Com isso, a população dos municípios passa a contar com estruturas capazes de transportar mais energia renovável, sem a necessidade de construir uma nova linha de transmissão, para atender a maior disponibilidade de geração local com a expansão do complexo fotovoltaico de Dracena e a expansão da UTE Rio Vermelho – que utiliza biomassa proveniente de cana-de-açúcar.

Para a obra de modernização, a companhia utilizou um transformador defasador, equipamento capaz de controlar a quantidade de energia que uma linha de transmissão transporta de um ponto a outro (fluxo de potência). Essa tecnologia aumenta a flexibilidade da rede elétrica e melhora a estabilidade operacional, pois direciona para outra linha de transmissão a energia que passaria pelo ativo que está sendo modernizado e, portanto, desligado.

“Essa é uma tecnologia importante no contexto da transição energética ao prover flexibilidade e confiabilidade ao sistema, permitindo o melhor aproveitamento de corredores de linhas existentes na região”, explica Dayron Urrego, diretor-executivo de projetos da ISA CTEEP.

Na ausência do transformador defasador, as alternativas seriam iniciar a obra de reforço somente no atual semestre, após a redução da geração de energia, ou alterar a metodologia de trabalho, o que elevaria o custo e o prazo de execução do projeto. Portanto, a medida foi essencial para viabilizar o início da modernização ainda em setembro de 2023.

Ao todo, a obra envolveu a substituição de aproximadamente 400 km de cabos condutores, além de cerca de 30 equipamentos na Subestação Dracena, como chaves seccionadoras, disjuntores e transformadores de corrente, com a finalidade de ampliar o escoamento de energias renováveis na região, oferecendo mais segurança e confiabilidade ao Sistema Interligado Nacional (SIN).

A obra foi executada de setembro de 2023 a março de 2024 e gerou cerca de 160 empregos diretos. O investimento previsto pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) é de R$ 79 milhões e a Receita Anual Permitida (RAP) é de R$ 8,3 milhões. 


Reforços e melhorias | Modernização do parque instalado

A iniciativa faz parte do Renova Transmissão – Programa de Modernização da Transmissão Elétrica do Estado de São Paulo da ISA CTEEP, que engloba reforços (instalação, substituição e reforma de equipamentos em ativos existentes ou adequação de instalações para aumento de capacidade, confiabilidade, vida útil ou conexão de usuários) e melhorias (execução de obras para instalação, substituição ou reforma de equipamentos em ativos existentes ou adequação de instalações para manter a prestação de serviços adequados).

No primeiro trimestre, a ISA CTEEP investiu R$ 243,1 milhões na renovação de seus ativos, um volume 19,9% superior ao registrado no mesmo período do ano passado. Entre 2024 e 2028, a empresa investirá aproximadamente R$ 5 bilhões em cerca de 250 projetos já autorizados pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). Os investimentos nos projetos são realizados com a colaboração do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).


Sobre a ISA CTEEP

Pioneira no desenvolvimento de inovações que contribuem com a transição energética, a ISA CTEEP é formada por mais de 1.600 colaboradores e atua em 18 Estados do Brasil, operando uma rede de transmissão por onde trafegam cerca de 30% de toda a energia elétrica transmitida no País e aproximadamente 95% no Estado de São Paulo. A companhia está comprometida em contribuir com a mitigação e a adaptação às mudanças climáticas e promove programas que geram impactos sociais e ambientais positivos (saiba mais). Seu sistema elétrico é composto por mais de 31 mil km de circuitos (cerca de 28 mil em operação e 3,4 mil em construção), incluindo ativos próprios e controlados em conjunto, e 137 subestações próprias (129 em operação e oito em construção) com tensão de até 550 kV. Seu acionista controlador é a empresa colombiana ISA, que detém 35,82% do capital total.

 

Informações para a imprensa 

ISA CTEEP  RPMA Comunicação
Kelly Queiroz – (11) 94216-3176
Sara Saar – (11) 97566-2433
[email protected].br


Notícia distribuída pela saladanoticia.com.br. A Plataforma e Veículo não são responsáveis pelo conteúdo publicado, estes são assumidos pelo Autor(a):
RAFAELLA IAZZETTA NOCKER
[email protected]


Notícias Relacionadas »
© 2024 Sala da Notícia - Todos os direitos reservados.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp