17/06/2024 às 17h21min - Atualizada em 17/06/2024 às 18h39min

Tendência de mercado, efeito de madeira em esquadrias de alumínio une beleza, baixo custo e sustentabilidade

Com amplas possibilidades de personalização, solução poderá ser vista de perto na Fesqua, mais importante evento de esquadrias e vidro da América Latina. Feira acontece em setembro, na cidade de São Paulo

2PRÓ COMUNICAçãO
Freepik

O uso de efeito de madeira em esquadrias é uma tendência cada vez mais popular na arquitetura e na construção civil por combinar a durabilidade e resistência do alumínio com o visual elegante da madeira. Proporciona, assim, uma solução que atende tanto às necessidades estéticas quanto funcionais.

Segundo especialistas, a solução oferece várias vantagens, como resistência à corrosão, baixa manutenção e maior eficiência energética. Conta a seu favor, ainda, a sustentabilidade – pois evita a derrubada de árvores - e as amplas possibilidades de personalização. Isso porque os revestimentos podem reproduzir diferentes tipos de madeira, como mogno, carvalho, e cerejeira.

A tendência poderá ser vista de perto na Fesqua (Feira Internacional da Indústria de Esquadrias) que, em sua 15ª edição, traz novidades para atender as empresas e profissionais do setor.  Ela será realizada entre os dias 11 e 14 de setembro no São Paulo Expo, na capital paulista, simultaneamente ao o EBRATS (Encontro e Exposição Brasileira de Tratamento de Superfícies) e à Fesqua Vetro, uma plataforma exclusiva e dedicada ao setor vidreiro.

Um dos exemplos é a Ezy Color, nome confirmado na feira. Sua tecnologia, a Powder on Powder (em português, Pó sobre Pó), para pintura efeito madeira em alumínio, foi desenvolvida na sede da empresa, na Itália, especialmente para climas áridos e tropicais. Dessa forma, mesmo quando exposto a altos níveis de radiação solar, o material não sofre “desbotamento”, quer dizer, a perda de tonalidade. 

“A tecnologia tornou possível o resgate do elemento madeira na arquitetura contemporânea e sustentável por não exigir elevados custos de manutenção - típicos da madeira in natura”, afirma Jorge Henrique, diretor comercial da Ezy Color. “A receptividade do mercado brasileiro superou as mais otimistas expectativas e se encontra em franca expansão. Diante disso, estamos investindo em uma nova unidade fabril, em Içara (SC), que elevará nossa capacidade de produção para 700 toneladas por mês do produto”.

Com 75 anos de mercado, a Prodec, que também marcará presença na Fesqua, destacará em seu estande a linha premium de sublimação com diversos tons amadeirados. “Oferecemos o serviço de tratamento em superfície de alumínio através de quatro processos. Além da tinta pó e da anodização simples e por interferência, adotamos também a sublimação e o tinta sobre tinta para nossos acabamentos efeito madeira”, afirma Laura Caradec, responsável pelo marketing da companhia. “A demanda, sem dúvida, tem atendido nossas expectativas e projeções”.

Em torno de 700 marcas expositoras, muitas das quais líderes de mercado, são esperadas para o evento. Organizadas pela Italian Exhibition Group (IEG), Fesqua, Fesqua Vetro, FEIPAT e EBRATS deverão ocupar uma área de exposição de 38 mil metros quadrados e atrair um público qualificado de 48 mil visitantes de 25 países diferentes. Além do espaço de exposição, os visitantes poderão desfrutar de atrações de conteúdo e de diferentes plataformas de negócio e networking.

Mercado pujante

A Fesqua chega à sua 15ª edição consolidada como o maior e mais importante evento para o mercado de esquadrias e vidro da América Latina. A feira é um poderoso centro gerador de negócios e oportunidades lucrativas tanto para as empresas expositoras como para os visitantes.

O mercado de esquadrias no Brasil está intimamente ligado à indústria da construção civil, que historicamente desempenha um papel fundamental na economia do país. Da mesma forma, o setor vidreiro também acompanha seu crescimento, embora também vinculado às indústrias automotiva e de eletrodomésticos.

Segundo dados da Afeal, as vendas de esquadrias registraram por volta de 4% de aumento em 2023 na comparação com 2022, ainda que o Produto Interno Bruto (PIB) da construção tenha registrado queda de 0,5% no ano passado. A CBIC (Câmara Brasileira da Indústria da Construção), porém, prevê uma alta de 2,3% para 2024, o que, por sua vez, deve impulsionar os mercados de vidro e esquadrias.

 

Serviço:

Fesqua 2024 | Feira Internacional da Indústria de Esquadrias

Data: 11 a 14 de setembro de 2024

Horário: 4ª a 6ª - 13h às 20h | Sáb. - 11h às 18h

Local: São Paulo Expo Exhibition & Convention Center

Endereço: Rodovia dos Imigrantes, 1,5 km - Vila Água Funda, São Paulo - SP

Transporte gratuito: O evento disponibiliza vans próximas à Estação Jabaquara, 1 hora antes até 1 hora depois do funcionamento da feira.

Mais informações neste link.

 

Sobre a Fesqua | Organizada há 15 edições, a Fesqua é considerada um evento relevante no calendário internacional, e é realizada pelo Grupo Contramarco em parceria com a IEG Brasil. Tem como foco inovações para esquadrias, vidros, fachadas, automação, portões, grades, acessórios, ferragens, máquinas e equipamentos para esquadrias e vidro. Além de fabricantes de esquadrias, vidraceiros e consultores, é frequentada por arquitetos, engenheiros e construtores, projetistas, entre outros profissionais do setor. Mais de 80% do público visitante tem influência sobre a compra, e 96% acreditam que a feira oferece oportunidades de networking.
 

Sobre o EBRATS | Criado em 1979, o EBRATS é reconhecido como uma das principais vitrines para tecnologias e produtos de tratamento de superfícies para a América Latina. Tradicionalmente, a feira acontece em parceria com a ABTS - Associação Brasileira de Tratamentos de Superfície. O evento B2B reúne um público qualificado, composto por químicos, engenheiros, técnicos, laboratoristas, fornecedores de produtos químicos e de materiais. Também é procurado por fabricantes e fornecedores de equipamentos, usuários diretos e indiretos, projetistas, arquitetos, entre outros.

Sobre a Contramarco | Inserido no setor da construção civil há 25 anos, com foco na indústria de esquadrias e vidro, o Grupo Contramarco iniciou suas atividades no ano 2000, lançando a revista Contramarco e a FESQUA - Feira Internacional da Indústria de Esquadrias, realizada a cada dois em São Paulo/SP. 

O sucesso crescente dessas duas iniciativas pioneiras no setor da construção civil impulsionaram a direção do Grupo a criar novos eventos especializados e bem-sucedidos, como o SAIE VETRO - Salão da Indústria de Esquadrias e Vidro (realizado a cada dois anos em Florianópolis/SC); o Fórum Contramarco ( é realizado periodicamente em uma região do país); o Prêmio Nelson Firmino (para destacar obras e projetos especiais) e a FESQUA VETRO - Feira Internacional de Esquadrias e Vidros para Construção Civil, que ocorre simultaneamente à grande feira FESQUA, considerada a terceira maior do mundo no segmento de esquadrias. 

Hoje, o Grupo Contramarco é o principal polo gerador de negócios e conexões para profissionais da indústria de esquadrias e vidro no país.

Sobre o IEG Brasil | Em 2022, o IEG - Italian Exhibition Group,   uma das principais organizadoras de feiras e congressos da Europa, iniciou as operações no Brasil com o objetivo de expandir sua atuação no país com o grupo IEG Brasil. Atualmente, nove feiras integram o portfólio da empresa voltadas aos segmentos de fitness, saúde, bem-estar, esquadrias, tratamento de superfície, geotecnologia, drones e espacial integram o portfólio da empresa: BTFF - Brasil Trading Fitness Fair, Fesqua, Fesqua Vetro, Feipat, Ebrats, DroneShow, MundoGEO Connect, SpaceBR e e-VTOL. 

O IEG, listado na Bolsa de Milão, se consolidou como líder na organização de feiras de negócios e congressos na Itália e é conhecido por sua atuação em seis categorias: Alimentos & Bebidas; Joalheria & Moda; Bem-Estar, Esporte & Lazer; Turismo & Hospitalidade; Lifestyle & Inovação; Ambiente & Tecnologia. Hoje, o grupo é responsável pela organização de mais de 50 feiras e 190 eventos e congressos.  Nos últimos anos, deu início a um processo de expansão no exterior, com aquisições e parcerias estratégicas em países como Estados Unidos, Emirados Árabes, China e Brasil. Em 2023, a empresa faturou € 212.4 milhões, valor 32% maior que o ano anterior, com EBITDA de € 49.5 milhões. Mais informações em: www.iegexpo.it/


Notícia distribuída pela saladanoticia.com.br. A Plataforma e Veículo não são responsáveis pelo conteúdo publicado, estes são assumidos pelo Autor(a):
JOÃO VITOR RUVOLO NAVARRO
[email protected]


Notícias Relacionadas »
© 2024 Sala da Notícia - Todos os direitos reservados.
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp