05/03/2021 às 16h03min - Atualizada em 06/03/2021 às 00h00min

Dia da mulher: dicas para dominar o mundo dos negócios

Saiba por onde começar a empreender com os conselhos de mulheres que já comandam seus próprios negócios

SALA DA NOTÍCIA Gabriela Santos

Divulgação
 

Uma análise feita pelo Sebrae no ano passado, mostra que o Brasil já tem 9,3 milhões de mulheres à frente de uma empresa. Ainda assim, existem desafios: em comparação com os homens que empreendem, elas possuem escolaridade superior, mas seus negócios faturam 22% menos.

O Dia Internacional da Mulher, comemorado anualmente em 8 de março, marca uma trajetória de lutas femininas por igualdade social, política e econômica. Depois de conquistarem o direito ao voto, melhores condições de trabalho, direito ao uso da pílula anticoncepcional numa luta diária que se arrasta há anos, um dos maiores desafios da mulher hoje é conquistar o espaço que deseja no mercado de trabalho, sobretudo em cargos de chefia.

Durante muito tempo, o mundo dos negócios e do empreendedorismo foi dominado pelos homens e não havia muitas referências femininas neste sentido. Contudo, mesmo que ainda haja muito para conquistar, as pesquisas apontam que as mulheres têm, cada vez mais, ocupado esses espaços. Por isso, para inspirar o público femino neste Dia da Mulher, trouxemos aqui o depoimento de algumas delas que chegaram lá.

Barbara Roma e Neemat Eid fazem parte dessas mais de nove milhões de mulheres que comandam o próprio negócio. No início do ano passado, as duas decidiram se unir e criaram a ICB, uma agência de marketing estratégico. Ambas tinham o desejo de empreender e mudar os rumos de suas carreiras. Para isso, investiram os fundos de suas poupanças e fizeram o projeto dar certo mesmo em plena pandemia causada pela COVID-19. Só neste último ano, a empresa faturou R$ 1,5 milhão.  Veja o que elas dizem para inspirar outras mulheres a encarar este desafio, além de um conselho da idealizadora do projeto “Aceleradora de Carreiras”, do Grupo Mulheres do Brasil, Mayra Castro, que inventou sua própria profissão.

 

Como construir autoconfiança para estar à frente dos negócios?

A autoconfiança vem do autoconhecimento. Precisamos nos concentrar em trabalhar e lapidar muito bem as habilidades técnicas da nossa profissão, ler, estudar, conhecer o mercado. Além, é claro, de trabalhar bem o relacionamento interpessoal e as soft skills, que são nossas habilidades comportamentais, aconselha Neemat Eid, publicitária e sócia fundadora da Agência ICB. 

A autoconfiança se consolida quando sabemos que nosso conhecimento é real. É difícil se sentir autoconfiante quando se sabe que não está perto do seu potencial máximo. O medo da vulnerabilidade é o que me move no dia a dia e me obriga a enfrentar de frente o que for para manter meu negócio rodando e cumprindo as obrigações com aqueles que de nós dependem, complementa Neemat.

 Como superar o medo de mudar e começar seu próprio negócio?

O medo de ficar estagnada deve ser maior do que o medo de tentar algo novo. Eu sou muito competitiva, então se eu tenho um desafio novo e o meu medo de ficar parada é maior, eu prefiro encarar este desafio. Quando você chega próximo dos 40 anos, como eu, você começa a se perguntar o que poderia ter feito de diferente na sua carreira, o que você conquistou até agora e essas foram as perguntas que me motivaram a começar o meu próprio negócio, declara Barbara Roma, historiadora e sócia fundadora da Agência ICB.

Tive de escolher entre me conformar com o que já tinha alcançado ou aceitar o desafio para dar saltos maiores e empreender me pareceu uma bela oportunidade de começar algo novo. Para abrir o seu negócio, você precisa mudar toda a sua rotina e visão sobre trabalho para conseguir prosperar. É como dar um reset no jogo e começar uma nova rodada, diz Barbara.

Como transformar as dificuldades em oportunidades na hora de empreender?

A questão do empreendedorismo não é homogênea, mas, de maneira geral, percebo que quando saio da necessidade de algo para um propósito, tudo o que faço começa a fluir. Essa é a primeira provocação como eu posso transformar o “precisar de” em “como posso contribuir para?”, pontua Mayra Castro, idealizadora do projeto “Aceleradora de Carreiras” do grupo Mulheres do Brasil.

Outra  questão é ajustar o que eu gosto e sei fazer com o que o mercado precisa. Todos os empreendimentos bem sucedidos com os quais já me deparei, tem a paixão como combustível. Se o que você faz não te move, seu negócio não tem como dar certo.

Por fim, colocar qualquer coisa de pé requer consistência, perseverança e organização. Essa estrutura, definitivamente, auxilia no processo de transformar dificuldades em oportunidades, que são faces da mesma moeda, complementa Mayra.

 

Apesar de encontrarem ainda muitos desafios, as fundadoras da Agência ICB trabalham para proporcionar mais possibilidades para outras mulheres. “Nossa equipe é formada, majoritariamente, por mulheres. Isso foi algo natural, que foi acontecendo, mas que faz parte do nosso propósito. Precisamos nos fortalecer”, finaliza Neemat.



 

 

 

Sobre a ICB

A ICB é uma agência de marketing estratégico fundada pelas sócias Neemat Eid e Bárbara Roma. Desde seu início, em janeiro do ano passado, a ICB, nome que veio de “Ice Cold Beer”, primeira razão social da agência, já atendeu mais de quinze multinacionais, além de empresas nacionais e transnacionais e gerenciou mais de R$1 milhão em campanhas de marketing em diferentes mercados: América Latina, Estados Unidos e Canadá, Ásia e Norte da África. Os serviços oferecidos pela agência vão desde comunicação integrada e produção de materiais para mídias on e offline, até a gestão completa de eventos (incluindo manuseio de brindes e captação de patrocínio) e campanhas de geração de demanda.

 

 

Para mais informações - MALI CONTENT:

 

Gabriela Santos (assessora de imprensa)

gabriela@malicontent.com.br

(11) 94049-8558

 

Liane Leonel (assessora de imprensa)

liane@malicontent.com.br

(11) 97693-5158


 

Notícias Relacionadas »
© 2021 Sala da Notícia - Todos os direitos reservados.
contato@saladanoticia.com.br
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp