25/02/2021 às 17h22min - Atualizada em 25/02/2021 às 18h27min

Gamificação como recurso no treinamento de funcionários

Soluções gamificadas têm se mostrado eficazes na capacitação de colaboradores

SALA DA NOTÍCIA Fabiane Faria

Em um mercado cada vez mais complexo e competitivo, as empresas precisam se reinventar para terem destaque, e, para isso, é necessário pensar em todos os processos. Assim como na vida, em que os primeiros estágios são os mais importantes, e acabam por influenciar significativamente o futuro, o treinamento dos funcionários de uma empresa é fundamental para o bom desempenho dela ao longo do tempo. Ou seja, investindo na capacitação da equipe, as chances de sucesso serão maiores, resultando em menos erros operacionais, mais vendas, melhorias no atendimento, redução de custos e riscos, entre outros benefícios.  

Nesta etapa, um dos maiores desafios da empresa é engajar os funcionários. Mas, para isso, há algumas estratégias que podem auxiliar. Dentre elas, uma que tem se mostrado bastante eficaz é a da Gamificação, que consiste no uso de técnicas que utilizam mecânicas de games em ambientes que não são jogos, como uma casa, empresa, departamentos, sala de aula ou treinamento, aplicativos, entre outros. Em geral, a Gamificação é aplicada para engajar pessoas a alcançarem determinados objetivos ou solucionar problemas, sejam pessoais ou corporativos.

Um dos exemplos em que é possível aplicar a Gamificação é no treinamento de colaboradores. Pensando nisso, a Niduu, startup que possui uma solução de treinamento gamificado através de um App, lista algumas dicas: 

- Treinamentos tradicionais exigem um alto nível de esforço manual, como, por exemplo, reserva de local, materiais audiovisuais (datashow, computador, caixas de som etc.), impressão de materiais didáticos, certificados, divulgação e deslocamento de todos os convidados, assim como sua liberação do posto de trabalho junto às lideranças das áreas. Já os treinamentos gamificados que utilizam a tecnologia podem oferecer vantagens como a de ter os treinamentos completos - ou parte deles - hospedados na plataforma, otimizando o tempo e minimizando esforços presenciais. 

- A tecnologia permite que os profissionais consigam acessar as aulas e atividades pelo próprio celular, em qualquer horário e lugar que estiverem. 

- Além de tornar eficiente a jornada de aprendizagem dos colaboradores, a gamificação reforça o ensino e se torna uma opção em casos em que as empresas preferem criar treinamentos à parte. Após um treinamento, 80% do conteúdo é perdido da memória em 30 dias e 42% após 20 minutos. No entanto, é possível aumentar a retenção do conteúdo, por meio de ações específicas que reforçam a fixação do conteúdo nos aprendizes, como uma abordagem mais engajante, promovendo uma competição saudável pelo aprendizado, com revisões e práticas constantes.

- Uma das vantagens da gamificação é o microlearning, metodologia que utiliza pequenas doses de conteúdo e favorece a aprendizagem porque foca nas lacunas de conhecimento dos seus aprendizes e fornece conteúdo direcionado para o seu desenvolvimento e aperfeiçoamento. 

Segundo uma pesquisa publicada na American Psychology Society, o microlearning garante 17% mais eficácia no processo de aprendizado, maior compreensão do que está sendo ensinado, uma vez que os estudantes consomem, aos poucos, pequenas pílulas de conhecimento, e um conteúdo focado, que evita que o aluno desgaste sua memória com informações desnecessárias, aumentando a retenção do que realmente interessa. 


Notícias Relacionadas »
© 2021 Sala da Notícia - Todos os direitos reservados.
contato@saladanoticia.com.br
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp