30/07/2021 às 17h09min - Atualizada em 30/07/2021 às 17h15min

Como combinar mules e slingbacks com roupas para o inverno?

Modelos são versáteis e combinam com todas as estações do ano

SALA DA NOTÍCIA Daniella Pimenta
La Femme

Mules e slingbacks são os calçados queridinhos de muita gente, e não é à toa. Esses sapatos, fechados na parte frontal e abertos no calcanhar, viraram verdadeiros ícones fashion ao longo das décadas. 

A história do mule, por exemplo, começa há muito tempo. Criado no século 16, inicialmente era utilizado apenas por homens. No século posterior, finalmente calçou os pés femininos, e hoje, séculos depois, tomam as passarelas e ruas do mundo todo. 

Na sociedade contemporânea, o calçado teve sua ascensão máxima nos anos 90, quando virou uma verdadeira febre da moda. 

O slingback foi criado por Coco Chanel em 1957 e, rapidamente passou a ser usado por celebridades como Catherine Deneuve e Brigitte Bardot. É também um clássico atemporal.

Versatilidade, elegância e conceito

Com salto alto ou salto baixo. Em cores básicas ou exuberantes. Lisos ou com pedrarias. Sem estampas ou super estampados. As possibilidades que os mules e slingbacks trazem para os looks são o que os tornam tão versáteis. 

Imagem: Divulgação/La Femme

Eles vão bem em praticamente qualquer ocasião, das mais despojadas às mais luxuosas. Das reuniões de negócios aos passeios, da faculdade ao aniversário de família, da formatura ao casamento também, por que não? Basta escolher o modelo certo. 

Além disso, casam perfeitamente com algo que combina com os tempos atuais: conforto. 

“Os mules e slingbacks são atemporais, e a prova disso é esse tipo de sapato ter atravessado o tempo e chegado até nós. É também um calçado democrático: fica perfeito em todos os estilos, dos mais clássicos aos mais modernos e descolados”, explica a executiva da La Femme, marca especializada em calçados flats, Silvia Barboza. 

“Importante destacar que os modelos flat ou de salto baixo caíram definitivamente no gosto da mulher brasileira. Houve um entendimento de que usar sapatos mais baixos também é sinônimo de estilo, conforto e elegância, não há necessidade de optar sempre pelo salto”, pontua Silvia. 

Para quem foi de vez para o home office, esses sapatos são perfeitos, pois imprimem elegância e conceito ao look, com um ar comfy. Para quem trabalha fora, é perfeito para andar no dia a dia - sobretudo nos momentos de maior correria. 

Conforto em todas as estações do ano

Imagem: Divulgação/La Femme

Sim, esses modelos fazem bonito em todas as estações. No verão, ficam perfeitos com vestidinhos leves, saias, bermudas e shorts. Na primavera, acompanham bem calças leves e com barras curtas. No outono, casam perfeitamente com calças em diversos estilos e tecidos.  

Mas e no frio? Dá para combinar mules e slingbacks com roupas para o inverno? É possível? Pois saiba que a resposta é sim! 

Muita gente fica em dúvida se dá para usar o mule e o slingback no inverno, muito por conta da modelagem, que é aberta na parte de trás do calçado. Mas sim, acompanha os dias frios. Há inclusive modelos com pelúcia e forrados por dentro, aquecendo super bem. 

Para as mais fashionistas, é possível até mesmo adotar meias pretas ou coloridas para acompanhar o calçado, formando uma dupla cheia de estilo. E para você, qual a melhor forma de usar esses modelos no inverno?



 

Sobre a La Femme

A La Femme é referência no segmento de calçados flats com pedrarias no Brasil. Com um parque fabril de 2.500 m², a marca produz para mais de 1.000 lojas multimarcas em todos os estados do Brasil e no mundo, como África do Sul, Bolívia, Colômbia, República Dominicana,  Equador, Emirado Árabes Unidos, Estados Unidos, Paquistão e Paraguai. Com produção diária de 1.500 pares, a La Femme já produziu e distribuiu mais de 3,5 milhões/pares no mercado nacional e internacional. Saiba mais: www.lafemmecalcados.com.br 


 
Notícias Relacionadas »
© 2021 Sala da Notícia - Todos os direitos reservados.
contato@saladanoticia.com.br
Fale pelo Whatsapp
Atendimento
Precisa de ajuda? fale conosco pelo Whatsapp